quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Registros Matrimoniais da Família Paniago

Faço a apresentação dos registros de casamento de três filhos do casal Antônio Joaquim Paniago e Anna Maria de Rezende. Tais casamentos ocorreram em fins do século XIX em Uberlândia, naquele tempo cognominada de São Pedro de Uberabinha. São documentos muito importantes para a história da família, os consegui durante as minhas pesquisas. Seguem abaixo o fac-símile dos mesmos:

- Aos 27 de Julho de 1875, nessa Matriz em minha prezença e das testemunhas José de Carvalho e Joaquim da Fonseca e Silva receberão em matrimonio Damazo Ferreira de Menezes com Mariana Luciana de Rezende, aquelle filho legitimo de João Vicente de Menezes e Rita Luiza da Fonseca e esta filha legítima de Antonio Joaquim Paniago e Anna Maria de Rezende, ambos desta freguesia.
Pe. João da Cruz Dantas Barbosa
Livro M 02.



- Aos 31 de Julho de 1875, nessa Matriz em minha prezença e das testemunhas Antônio
José de Carvalho e Joaquim Pereira dos Santos receberão em matrimonio Bento Joaquim Paniago e Maria Rita de Cassia, aquelle filho legitimo de Antonio Joaquim Paniago e Anna Maria de Rezende e esta filha legítima de José Thomaz Peres e Rita de Cassia Pereira, ambos desta freguesia.

Pe. João da Cruz Dantas Barbosa

Livro M 02.


Fotografia de 1905, Bento J. Paniago, sua 2ª esposa Amélia Basília de Jesus e a filha caçula Etelvina.


- Aos 3 de setembro de 1881, nesta Matriz em minha prezença e das testemunhas Bento Joaquim Paniago e Manoel Peixoto Carrejo receberão em matrimonio Elias Rodrigues Martins e Maria Magdalena de Jesus, aquelle filho legitimo de Francisco Martins Carrejo e Delfina Maria Rodrigues e esta filha legitima de Antonio Joaquim Paniago e Anna Maria de Rezende, ambos desta freguesia.

Pe. João da Cruz Dantas Barbosa

Livro M 03

Esses matrimônios foram realizados na antiga Matriz de Nossa Senhora do Carmo e São Sebastião do Uberabinha, igreja construída em fins da década de 1840 e que foi demolida em 1941. Em substituição foi construída a de Santa Terezinha na Praça Tubal Vilela, que posteriormente transformou-se em catedral.

Um comentário:

  1. Parabens gostei

    jefferson paniago

    jefferson.paniago@hotmail.com
    goiania-goias

    ResponderExcluir